Pesquisar este blog

22/01/2012

Assassina de Maria Cláudia Del'Isola ganhará liberdade




   R E V O L T A N T E !!!


    Assassina de Maria Cláudia Del'Isola ganhará liberdade


Condenada a 58 anos de detenção pela morte brutal de estudante em 2004, ex-empregada da família da vítima já tem direito a progressão ao regime semiaberto. Com um sexto da pena cumprida, ela preenche os requisitos legais que dão direito ao benefício.

Sete anos depois de um dos crimes mais brutais da história de Brasília, a empregada Adriana de Jesus Santos, 27 anos, poderá deixar a cadeia.

Assassina da estudante Maria Cláudia Del’Isola, que foi estuprada, morta e enterrada na própria casa, ela já cumpriu um sexto da pena. Como tem bom comportamento no presídio, a condenada pelo crime já preenche todos os requisitos legais para receber o benefício de progressão para o regime semiaberto. Ela poderá trabalhar fora da cadeia e só voltará para a cela durante a noite. Não há qualquer empecilho legal à soltura de Adriana e a medida só depende de uma decisão da Vara de Execuções Penais, que pode sair a qualquer momento. A possibilidade de a assassina ganhar as ruas é motivo de revolta para a família de Maria Cláudia.

Na íntegra: Correio Braziliense

Revoltante, Inadmissível, Repugnante ler isso...

Primeiro pelo ABSURDO que são nossas LEIS onde uma ASSASSINA, do porte da Adriana de Jesus Santos, que cometeu um CRIME HEDIONDO tenha direito a regressão de pena e cumpra apenas um sexto da sentença determinada.

De que adianta ser julgada, condenada a 58 anos se cumprirá apenas 8 ?! 

8 anos de confinamento, é esse o preço que a ASSASSINA pagará pela morte da jovem Maria Cláudia Del’Isola, violentada, torturada, amarrada, morta e enterrada dentro de sua própria casa! E pior, por dois monstros que dividiam a mesa com a família da jovem. Pessoas que eram tratadas como se fossem da família, com dignidade e respeito.
E agora os pais de Maria Claudia terão que, além de tudo, ainda passar por mais esse sofrimento, mais essa indignação, de ver que a vida da filha deles valeu apenas 8 anos de reclusão para essa PSICOPATA!

Não é possível que os nossos LEGISLADORES não consigam ENXERGAR o ABSURDO que são as nossas Leis...Não é possível que não consigam entender que uma Legislação de 40 anos atrás não está mais dentro do contexto atual...da situação caótica que vivemos, num PAÍS onde a CRIMINALIDADE e IMPUNIDADE predominam!

A sociedade não se conforma...ainda não esquecemos o crime cruel e perverso cometido contra a jovem e não podemos aceitar que um MONSTRO como esse seja devolvido à sociedade. 

Por mais que eu tente, não consigo entender...

Como uma pena aplicada pode ser reduzida a um sexto?! 
Como a prática de um crime hediondo pode ser beneficiada com regressão de pena?! 
É claro que lá dentro do presídio a maldita iria se comportar...o juiz que a libertar deve levá-la para a casa dele ou então mandá-la para a casa de um dos legisladores que colaboraram e aprovaram a elaboração dessa lei do cão!

Se houvesse Pena de Morte no Brasil, que é a única pena a meu ver que esses dois monstros mereciam, há muito eles já estariam no inferno e não dariam mais trabalho e não causariam mais sofrimento a ninguém.
Como no Brasil não é permitido nem se cogitar a ideia de uma Pena de Morte, que ao menos ASSASSINOS com esse grau de periculosidade sejam mantidos o maior tempo possível enjaulados, como bicho ferozes que são...que cumpram a pena integral, sem atenuantes, sem brecha alguma...é o mínimo que se espera, para que de fato possamos dizer que a justiça tenha sido feita!

Nada mais nos resta a não ser protestar e clamar por JUSTIÇA e é o que esperamos, que essa assassina permaneça presa, levando-se em consideração que trata-se de uma psicopata, dissimulada e que representa risco à qualquer jovem bonita, meiga, educada, gentil...pela qual se sinta inferiorizada.

Aos amigos de luta Cristina Del'Isola e Marco Antonio Del'Isola, pais de Maria Claudia Del'Isola, assassinada aos 19 anos, no dia 09 de dezembro de 2004, dentro de sua própria casa, no Distrito Federal, pelo caseiro e empregada da casa, dois monstros que não valiam sequer a água que lhes era oferecida pelos pais da jovem, que dirá sentar-se à mesa com eles...todo meu carinho e solidariedade.

Sandra Domingues

Comentário: Nosso sentimento só pode ser o de revolta, pois trata-se de crime hediondo, esta assassina ajudou seu companheiro a planejar e executar a morte da jovem Maria Claudia, eles estupraram e mataram. E ainda ficaram na casa - eram empregados da família a 2 anos - servindo e se fingindo de solidários para a família e polícia, até que se descobriu serem eles os culpados. Se isso não é frieza e crueldade......Agora ela nem pagou pelo que fez e querem dar progressão de pena!!!!! 

Elizabeth Metynoski